jornnn

Estragos com as chuvas alcançam R$ 500 milhões

chuva-parana-alagamento-size-598

O Ministério da Integração Nacional soltou nota afirmando que só mandou R$ 140 mil ao Paraná porque a Defesa Civil não enviou o relatório dos prejuízos causados pelas fortes chuvas no Estado. Pois bem, o coordenador da Defesa Civil, coronel Adilson Castilho Casitas, já tem o relatório pronto. Por enquanto, são necessários R$ 500 milhões para a recuperação das estradas, rodovias, acessos, reconstrução de pontes, casas atingidas, prédios públicos (escolas, postos de saúde), apoio às famílias com alimentos, kit limpeza, kit cozinha, agasalhos, colchões, material escolar, entre outras despesas e ações.
O levantamento feito pelos municípios atingidos, cadastrados no sistema da Defesa Civil e analisados individualmente. “Após este levantamento feito pelas cidades, nós fizemos esta reunião de hoje e pedimos apoio de todas as secretarias envolvidas para dar agilidade no orçamento”, disse Castilho. “Vamos apresentar estes dados ao governador Beto Richa, para que ele possa fazer o pedido formal de recursos federais dos prejuízos já sofridos pelo Estado”.
nova
Ainda segundo o coronel Castilho, a previsão é de que os prejuízos sejam ainda maiores. “Sem dúvidas, pela nossa experiência e pela gravidade deste desastre, os prejuízos devem passar de R$1 bilhão”, disse. A população desabrigada está sendo encaminhada a abrigos, em espaços públicos equipados pela Cohapar para atender as famílias.
Enquanto as chuvas não cessam, toda a estrutura do Governo do Paraná está mobilizada para a campanha de doação de donativos, que está a cargo da Secretaria da Família e Desenvolvimento Social, em conjunto com a Provopar. Hoje, foram encaminhados o montante de mais de R$ 1 milhão em ajuda aos municípios, com o fornecimento de colchões, cobertores, cestas básicas, material de limpeza e higiene. O Paraná está agindo com velocidade para socorrer as famílias atingidas e com a ajuda e apoio de toda a sociedade envolvida.
Chuva causou estragos no Paraná
Foto 1: Alagamento na cidade de Guarapuava (PR), nesta segunda-feira (Lizi Dalenogari/Estadão)
Foto 2: União da Vitória (PR) teve vários pontos de alagamento (Arnaldo Alves/ANPr)
Foto 3: BandNews (arquivo)

Postar um comentário

0 Comentários