jornnn

Foz do Iguaçu: Itaipu diz que não leiloará casas ocupadas na Vila A antes de 2023

 por Diretoria de Comunicação CMFI — última modificação 05/09/2021 21h47

Processo de alienação de imóveis da Binacional foi tema de reunião com vereadores
Itaipu diz que não leiloará casas ocupadas na Vila A antes de 2023

 

A Itaipu Binacional não leiloará casas ocupadas na Vila A, antes de 2023. A afirmação partiu da diretoria da usina hidrelétrica durante reunião no Centro Executivo com 13 dos 15 vereadores de Foz do Iguaçu, na sexta-feira (3).

O diretor administrativo da empresa, almirante Paulo Roberto da Silva Xavier, explicou que as 17 casas que serão leiloadas ainda este ano estão todas desocupadas.

Os cerca de 900 imóveis habitados passarão por avaliação e aprovação da Eletrobras e da Ande, prevista para acontecer somente no segundo semestre de 2022, antes de serem alienados.

Xavier comentou que Itaipu tem a obrigação de cumprir a legislação vigente, mas se mantém sensível à situação dos atuais ocupantes. “A preocupação do morador é nossa preocupação. Estamos em busca de uma alternativa legal para conciliar todos os interesses”.

“Essas pendências acabam chegando para nós, mas Itaipu tem sido atenciosa ao tratar de um tema tão delicado”, avaliou o presidente da Câmara Municipal, vereador Ney Patrício (PSD).

“Este encontro tem o objetivo de estreitar ainda mais os laços de amizade da Itaipu com o poder público de Foz do Iguaçu. Temos muitos projetos conjuntos com o munícipio, por isso, essa parceria é fundamental”, declarou o diretor-geral de Itaipu, general João Francisco Ferreira, reforçando o compromisso da empresa com o município – desde obras estruturantes até ações de custo relativamente baixo, mas que impactam fortemente a população. “O legado fica quando a gente transforma vidas”.

A reunião conjunta, considerada inédita, entre os diretores da binacional e os vereadores serviu para os parlamentares apresentarem as demandas da sociedade à empresa.

 

Foto: Rubens Fraulini

 

(Com assessoria da Itaipu Binacional)

Postar um comentário

0 Comentários